6 de novembro de 2017

À frente do @pagevibe – considerado pela Vogue America um dos 12 perfis mais inspiradores do mundo -, o alagoano Marcello Victor fala sobre o projeto que exala positividade!

visite-alagoas-portl-stylife-japiassao-45

Marcello Victor

Fotos: Thomaz Japiassú

Entre registros fotográficos de praias secretas nas Filipinas e balanços em penhascos sobre vulcões nos Andes Equatorianos, mensagens de positividade traduzem a vibe de cada um desses lugares. No Instagram, o perfil @pagevibe reúne quase meio milhão de seguidores que dialogam com o desejo de ser extraordinário em qualquer parte do mundo.

Diante uma surra genuína de good vibes, é fácil perceber que a intenção do alagoano Marcello Victor, mente por trás do projeto, vai além do que despertar em sua audiência a vontade de desbravar cada continente: é sobre disseminar espiritualidade e o desejo de estar presente, sonhar com pores do sol, mergulhos em águas cristalinas e experiências únicas – e realizá-las.

Em um bate-papo exclusivo com o Stylife, Marcello, estudante de publicidade, conta que tudo começou numa brincadeira que mudou a sua vida. “No colégio, eu queria relaxar meus amigos. O intuito era compartilhar frases otimistas complementadas com imagens do pôr do sol. Os objetivos mudaram quando me disseram que era perda de tempo, ou quando fui pedir ajuda e me passaram pra trás”, relembra. Desse episódio ele tirou uma lição que mudou o rumo das coisas: “a partir disso, minha missão se tornou em motivar pessoas que tiveram seus sonhos jogados no lixo”.

Foi o impulso que Marcello precisou para tornar o Page Vibe um sucesso. Com um Galaxy Y e um notebook simples, ele arregaçou as mangas. No Facebook, 20 mil pessoas o acompanhavam em apenas 4 meses de trabalho. “Comecei postando textos motivacionais. Rio de Janeiro e São Paulo foram os lugares que abraçaram o Vibe inicialmente. Em seis meses, Europa e as Américas faziam parte da audiência. Com um ano, pessoas da Ásia, África e até Oceania me enviavam mensagens de paz”, explica.

Quando a página atingiu o alcance de 10 milhões de pessoas, o Instagram surgiu e Marcello resolveu migrar para a nova plataforma. O sucesso foi tão certeiro que, na Vogue norte-americana, o @pagevibe foi listado como uma das 12 contas mais inspiradoras do mundo. Na Ásia, os folhetins o colocaram entre os 100 mais influentes do globo.

O reconhecimento de tanto empenho está atrelado a alguns detalhes importantes: o que faz com que 500 mil pessoas sigam um perfil anônimo? O que motiva o like quando o conteúdo divulgado não é produzido por um personagem ou ícone conhecido? Porque seguimos o @pagevibe sem saber quem está ali atrás, postando mensagens e registros que despertam algo bom dentro de nós? “Eu converso com as pessoas. Comecei a usar o Google Tradutor para alcançar outros idiomas. O ápice desse início foi quando percebi que as pessoas precisavam de atenção, então dediquei um espaço pra elas na Vibe. O objetivo já não era mais apenas compartilhar frases e fotos. Agora, ele era dar atenção aos que se sentiam sozinhos”, conta.

“Às vezes em minhas viagens ou até na praia da Ponta Verde, encontro pessoas que já estão cansadas das mesmices do mundo e, com isso, simplesmente, sentamos e conversamos. Na maioria desses encontros, essas pessoas conhecem a página, mas nem sabem que estão conversando pessoalmente com o Vibe, porque eu não falo, mas quando volto pra casa, faço um desabafo relacionado ao que conversamos e o conteúdo do texto ajuda outras pessoas que se inspiram, se sentem bem ou até mesmo viajam porque se imaginaram na cena da conversa”, afirma.

O conteúdo do @pagevibe é escolhido a dedo: cerca de 60% de tudo vai ao ar é produzido por Marcello, como sentimentos expressos em textos. O restante vem de pesquisas sobre temáticas que abordem o bem-estar. “O que as pessoas nunca verão no Vibe são discussões do cotidiano, como opiniões sobre politica, religião e gênero, além de fotos de entretenimento com animais selvagens”, entrega.

Nesses anos de estradas e caminhos energizantes, Marcello já realizou alguns sonhos: botou o pé em lugares que nunca pensou em estar e fez amigos para uma vida toda. “Conheci o Rio de Janeiro e fiquei hospedado na casa de duas grandes amigas que fiz pela Vibe, e até hoje tenho saudades daquela época. Também estive em Jericoacoara, pensem num lugar bonito! Foi incrível e se tornou a primeira postagem de experiência de viagem minha na Vibe”. Com o @pagevibe ele alcançou pessoas na índia e Indonésia, participou do Festival Universo Paralello e hoje é patrocinado pela marca Lokai.

“Pra mim, felicidade é existir em todos os lugares, sem pertencer a nenhum. É viver buscando em si mesmo o que deseja para o seu caminho e, quando encontra, volta a buscar. Felicidade é estar no todo, sendo tudo, sem nunca esgotar-se. É ser livre, mas também resiliente”, explica. Fórmula para encontrar a felicidade não existe, mas a @pagevibe tem dado dicas valiosas! “Tem uma frase do Christopher McCandless que me inspira muito: ‘É nas experiências, nas lembranças, na grande e triunfante alegria de viver na mais ampla plenitude que o verdadeiro sentido é encontrado’. Acho que é isso”.

Marcello Victor

Marcello Victor

MAIS SOBRE MARCELLO

Quais outros perfis você acompanha e se inspira? Quem o @pagevibe indica para deixar a timeline mais good vibes?

Não uso muito as redes sociais, mas quando entro, gosto de ver o trabalho do Jack Morris (@doyoutravel). Ele começou como uma página ( a “Do You Travel?”), mas decidiu se especializar nesse ramo e melhorar o conteúdo postando fotos dele e criando uma linha visual muito bonita. Hoje em dia é uma grande referência em filtros, viagens e natureza pra mim. Outra pessoa que considero muito legal também é o Vitor Liberato. Ele produz uns vídeos no Youtube em uma qualidade sensacional, utilizando músicas e imagens que me deixam com vontade de conhecer o local. Tem um casal de Maceió que me faz sempre pensar e desejar: “poxa, eu queria ser como eles quando crescer”. É o Thiago Laion e a Madu (do @projetodeboa)! Um amigo em comum nos apresentou pessoalmente, mas eu conhecia o trabalho deles pelo Instagram e achava fantástico o estilo de vida deles.

Pra você, quais os melhores points de Alagoas que exalam good vibes?

Praia do Francês, Maragogi, Pontal do Peba, Praia de Garça Torta, Barra de São Miguel, Foz do Rio São Francisco, Cachoeira do Tiririca e Murici!