2 de janeiro de 2018

Mais que uma virada, Réveillon dos Milagres entrega experiência que transcende! Fique por dentro do que rolou!

jus_8554

A primeira consideração sobre o Réveillon dos Milagres é que ele é mais que uma simples virada. É uma espécie de ritual – e não estamos falando de religião, estamos falando de esperança. Na crença de que o último e primeiro dia de um ano merece ser vivido no paraíso. Num cenário paradisíaco que não está longe, mas bem ali, no litoral norte do Estado.

Com decoração assinada por Walmy Bechó e buffet by Wanderson Medeiros, a última noite da maratona de festas da Tamo Junto veio em clima de renovação. É que cada mínimo detalhe falou sobre sonhos e gratidão.

Hoje alvo de desejo wedding, a Capela dos Milagres foi a primeira parada dentro da estrutura montada na Praia do Marcineiro. Coisa linda de ver era o público tocando os pés da imagem de Nossa Senhora completamente envolta de rosas brancas, como se dissesse: “está tudo bem, 2018 vai ser tudo que se espera.

A virada do ano foi incrível: o percurso até a areia estava sinalizado com plaquinhas inspiradoras que diziam algo sobre a gente ser responsável por nossos próprios sonhos. Esforço individual pode mudar mais que nossas vidas, tem impacto no mundo, sabem?

Essa reflexão veio com os 20 minutos de fogos pipocando no céu estrelado de Milagres. Um match mais que certo. Vibe divina! A música foi até o amanhecer, os drinks também. Quando os primeiros raios de sol invadiram o horizonte, o arrepio foi geral.

A melhor semana de nossas vidas trouxe um 2018 propenso ao sucesso. Estamos prontos!

Fotos: Juliete Santos